Novas possibilidades de Estratégias de Conteúdo no Facebook

O Facebook anunciou a criação de filtros para segmentar as publicações das páginas de empresas. Agora, páginas poderão fazer postagens direcionadas por gênero, interesses, idade, idioma, localização, status de relacionamento, local de trabalho e educação. O objetivo é incentivar a publicidade na rede.

Com publicações direcionadas, as páginas poderão aumentar a relevância de suas mensagens, já que poderão falar diretamente com o publico que interessa, podendo assim aumentar o engajamento dos fãs.

A segmentação já era uma tendência observada em outras redes. Recentemente, o Twitter implementou uma ferramenta semelhante, que permite que marcas possam publicar tweets levando em conta a localização do usuário e a plataforma de acesso (smartphones, tablets ou PCs). Com o número cada vez maior de pessoas nas redes sociais, a segmentação é uma solução interessante para falar com o público-alvo em meio a tantas pessoas conectadas.

Um porta-voz da rede social deu ao blog Mashable um exemplo prático de como as empresas podem fazer uso da novidade: “Digamos que você queira fazer um anúncio de volta às aulas. Você pode direcionar seus anúncios para estudantes de 18 a 21 anos e atingir somente este público, sem incomodar o resto”.

A importância do trabalho das Agências

Para encontrar oportunidades de uso da nova ferramenta, é importante conhecer detalhadamente o público que curte uma página. Saber o percentual que cada segmento representa e entender seu comportamento: dos horários que mais acessa a rede ao tipo de conteúdo que cada público considera relevante. Esse trabalho cabe às agências de publicidade, através de estudo e planejamento feito com base em relatórios extraídos do Facebook Insights e de outras ferramentas de monitoramento.

O Facebook no Brasil

Segundo relatório entregue pelo Facebook à Securities and Exchange Commission dos Estados Unidos, o Brasil lidera o crescimento de uso da rede com alta de 146% no total de usuários no último ano, atingindo a marca de 54 milhões de usuários. No mundo, a rede social já possuía 995 milhões de usuários em junho.

Um dos dados mais interessantes do relatório aponta o assombroso crescimento do Facebook em dispositivos móveis. Segundo o documento, 543 milhões de pessoas acessaram a rede através de dispositivos móveis em todo o mundo; e o Brasil foi o país que mais contribuiu para o crescimento dessa estatística no último ano.

Espera-se que os números crescentes e as novas ferramentas para publicações sejam grandes atrativos para que as empresas brasileiras invistam mais no marketing nas redes sociais.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s